• Herbert Tropiano

Quais são os passos para realizar uma boa projeção mapeada?

Atualizado: Mai 8

Mapping 3D


A projeção mapeada não é nenhuma novidade. Ela existe desde 1969 e surgiu na Disneylândia com o trem fantasma da Mansão Assombrada. Apesar disso, essa tecnologia está sendo reconhecida e utilizada na atualidade, certamente com os devidos ajustes graças à evolução tecnológica.


Nos últimos anos, o vídeo mapping reinventou o cenário das projeções comuns. Com ele, é possível projetar imagens e vídeos em 3D em qualquer superfície e proporcionar à audiência uma experiência única e inovadora.


Por isso, e muito mais, a projeção mapeada pode ser uma atração interessante em eventos corporativos. Quer saber como usá-la nessa situação? Continue a leitura e conheça, a seguir, os principais passos para fazer uma boa projeção!


1. Descubra o vídeo mapping


Também conhecido como projeção mapeada, o vídeo mapping é uma tecnologia utilizada para projetar objetos bi e tridimensionais a partir da utilização de softwares específicos. Após preparar a superfície para a exibição é possível mapear as imagens, criando uma versão virtual do ambiente.


O vídeo mapping se difere das projeções tradicionais pela possibilidade de uso em superfícies complexas e com volume. É possível aproveitar recortes, janelas e o que mais a sua criatividade permitir para criar efeitos com um impacto incrível. Além disso, graças à réplica criada, o projetor possibilita a interação com as imagens mapeadas.


Ou seja, se usada de forma adequada, essa tecnologia é capaz de apresentar resultados incríveis e ficar gravada na mente do público por muitos anos. Sensacional, não é mesmo?


2. Realize o planejamento em tempo hábil


Uma projeção mapeada requer uma equipe qualificada que possa deixar tudo alinhado com as expectativas do evento. Afinal, é necessário tempo hábil para criar, aprovar o roteiro, testar e preparar a modelagem da estrutura. Ou seja, quanto maior a antecedência do planejamento, melhor.


A complexidade de um projeto pode variar de acordo com os objetivos do cliente. Por isso, alguns casos precisam de mais prazo do que outros para a elaboração e a realização de todos os testes e ajustes que forem necessários. E você precisa estar preparado para imprevistos que podem surgir no processo.


Assim, para não correr o risco de que algo saia errado no seu projeto de vídeo mapping por falta de planejamento e tempo, inicie os preparativos com, no mínimo, um mês de antecedência.


3. Escolha o local e o que deve ser projetado


Entre os passos mais importantes para executar uma projeção mapeada de qualidade estão a escolha do local e do vídeo que será projetado. Afinal, a superfície escolhida faz toda a diferença no resultado final da ação.


O ideal é usar fachadas com detalhes; por exemplo, janelas, para criar assim um efeito mais interessante na projeção. Além disso, é preferível que os tons de fundo sejam claros. As superfícies escuras devem ser cobertas com adesivos ou tecido branco para garantir melhores resultados.


Por isso, sempre escolha a superfície que será usada na projeção com base nesses critérios citados. Em seguida, poderá ser feita uma réplica virtual desse objeto, criando um vídeo com o auxílio de softwares específicos para essa finalidade.


4. Faça uma visita de campo


Após escolher o lugar das suas ações, é importante realizar uma visita técnica de campo. Essa etapa antecede a escolha do projetor, da tecnologia que será utilizada e até mesmo da criação do conteúdo. Isso porque é nesse momento que serão definidos as características e o uso exato do orçamento do projeto.


As visitas de campo são fundamentais para planejar a execução do seu projeto, entendendo as necessidades reais da ação na prática. Para projeções em fachada, por exemplo, é preciso um prazo de no mínimo 30 dias para conhecer o espaço, elaborar um roteiro e modelagem a estrutura.


Além disso, conhecer o espaço que será usado para a projeção com antecedência reduz o tempo para a aprovação e ajustes que podem surgir durante a elaboração de um projeto.


5. Invista na criação de conteúdo


A criação do conteúdo é uma das etapas mais importantes do seu projeto e está diretamente relacionada com os objetivos e propostas da sua ação. Atualmente, é possível criar praticamente qualquer tipo de material audiovisual, tudo desenvolvido em formato 100% digital.


Seja com o uso de imagens concretas ou modelos de animações em 3D, é importante apostar em softwares especializados para automatizar o conteúdo a partir do projeto inicial. Também é possível sincronizar a projeção com a música ambiente, criando uma interação entre real e virtual que gera um resultado incrível.


6. Crie o roteiro


Apresentar um roteiro detalhado da projetação mapeada para a equipe contratada é fundamental para garantir uma boa execução do projeto. Com a ajuda de profissionais de vídeo mapping é possível criar um guia que envolva a automação, feita com ferramentas próprias, para fazer a animação do conteúdo.


Os efeitos são executados a partir de sobreposições de imagens, de forma a conquistar a atenção dos presentes. Além disso, quando o conteúdo é tridimensional, tudo é feito com base na estrutura real.


7. Faça a montagem


A estrutura precisa ser montada de acordo com a complexidade da projeção. Para projetos muito elaborados, é fundamental fazer a montagem com bastante antecedência. Em projetos mais simples, o projeto pode ser montado em até dois dias antes do evento.


Por isso, a etapa de montagem do projeto precisa de uma atenção especial da sua equipe. Para garantir que a projeção saia conforme o esperado é preciso contar com uma equipe qualificada e experiente.


8. Teste o projeto


Uma tarefa fundamental para que a projeção mapeada dê certo é testar o projeto. Esse procedimento permite avaliar a luminosidade do local, a sonorização, o alinhamento da projeção, bem como verificar se o conteúdo está adequado ao objetivo da ação.


Isso é essencial porque o conteúdo precisa estar alinhado com a geometria da superfície escolhida. Os testes servem exatamente para isso: conferir se o vídeo será exibido conforme o planejado.


9. Contrate uma empresa especializada


Para ter a certeza de que tudo sairá como esperado, é fundamental investir em uma empresa especializada. Essas companhias têm a experiência necessária e sabem criar o melhor projeto de acordo com os objetivos.


Isso porque elas têm profissionais qualificados para dar atenção ao projeto, como:


  1. profissionais de marketing;

  2. especialista em roteiro;

  3. gestor de conteúdo;

  4. especialista em vídeo;

  5. desenhista de 3D e after effects;

  6. profissionais de som e luz;

  7. técnico de projeção.


A projeção mapeada é uma inovação no cenário dos eventos corporativos. Ela está sendo muito utilizada para promover a marca de maneira criativa e inovadora ao oferecer uma experiência diferenciada e única aos convidados. É ou não é a opção perfeita para deixar as suas ações ainda mais especiais?


Ainda tem dúvidas sobre a criação de uma projeção mapeada? Deixe um comentário no post contando para a gente!

200 visualizações

Propósito

Soluções

Live Streaming

Parceiros

Cases

Blog da Ampère

Ebooks

Vagas

Seja fornecedor

Política de Privacidade

  • LinkedIn - Círculo Branco
  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle
  • YouTube - Círculo Branco
  • WhatsApp-icone

© 2020 AMPÈRE Todos os direitos reservados